13 erros no controle de estoque que você não pode cometer

estoque

Toda empresa precisa atender os seus clientes da maneira mais rápida possível para garantir um serviço que seja satisfatório para quem escolhe gastar seu dinheiro com você. Nesse ponto, ter um estoque bem gerenciado faz toda a diferença. Hoje em dia, existe muita dificuldade na hora de realizar uma previsão de vendas , e esse é um problema enfrentado por muitas empresas e indústrias, que pode ser diminuído quando alguns erros são evitados.

O controle do estoque é o coração das empresas de varejo. Se existe pouco estoque a empresa não consegue se manter, se o estoque está muito cheio a empresa pode se perder no meio de tantos produtos. Para trabalhar com o nível de estoque ideal é muito importante conhecer o perfil dos seus clientes, para ficar mais fácil acertar em estocar produtos que serão mais adquiridos pelo seu público.

SEPARAMOS OS 13 PRINCIPAIS ERROS DE CONTROLE DE ESTOQUE QUE SUA EMPRESA NÃO PODE COMETER:

1. Não ter produtos ou ter produtos em excesso no estoque

2. Não realizar o controle de produtos expostos nas prateleiras diariamente.

3. Não saber qual é o período médio de estoque

Ele indica quantos dias, em média, um item permanece em estoque.

4. Não conhecer o seu estoque mínimo

Abaixo desse número a empresa pode sofrer perda de vendas por falta de mercadoria.

5. Não saber o ponto de compra

Estabelece em que momento a compra precisa ser feita para não haver falta nem excesso de estoque.

6. Não buscar conhecimento em pesquisas de mercado (benchmarks)

Através delas é possível entender como as empresas do mesmo ramo gerem seus estoques.

7. Não saber estimular o consumidor a comprar mercadorias que estão paradas no estoque

8. Não realizar controles rígidos de mercadorias

Controlar as entradas e saídas de mercadorias, incluindo quantidade, unidade de venda, data, fornecedor/cliente, valor.

9. Não saber calcular o valor do seu estoque

Calcular o valor de suas mercadorias em estoque é fundamental para a tomada de decisão de política de compra e venda e até de novos investimentos.

10. Não utilizar softwares especialistas em gestão de estoque

11. Não utilizar estratégias de estoque diferentes conforme o ponto de venda de cada produto.

12. Não realizar o correto planejamento de capital de giro e espaço de armazenagem em itens sazonais.

13. Não realizar parceria com fornecedores chave de negócio

Em alguns momentos somente uma mudança de relacionamento já é suficiente para reduzir diversos custos logísticos.

Esperamos que você consiga fazer o contrário do que listamos acima, para que seu estoque seja controlado de forma eficaz.

Fonte: http://www.capitalrealty.com.br/13-erros-no-controle-de-estoque-que-voce-nao-pode-cometer/

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *